É natural que à medida que uma sociedade se torna mais desenvolvida, aumentem as suas necessidades de conforto e o consumo de energia.Mas não tem de ser assim.

É possível fazer uma utilização responsável, ou seja, consumir menos energia em cada produto ou serviço que utilizamos, sem alterar o nosso estilo de vida ou sem abdicar do nosso confortoA isto chama-se eficiência energética e não é um conceito difícil de perceber nem de praticar, mas implica tomar medidas. A LEMNISCATA possui nos seus quadros um perito qualificado do Sistema Nacional de Certificação Energética (SCE) que o ajudará a tornar o seu imóvel muito mais eficiente.

O que se pretende?

 

  • Edifícios mais confortáveis
  • Edifícios mais eficientes
  • Edifícios de baixo consumo
  • Edifícios NZEB (Nearly Zero Energy Buildings)
  • Edifícios de energia positiva


  

Serviços:


CERTIFICAÇÃO ENERGÉTICAEntrou em vigor no dia 1 de dezembro de 2013 o Decreto-Lei 118/2013, de 20 de agosto, que, ao transpor para o direito português a Diretiva 2010/31/UE, de 19 de maio, relativa ao desempenho energético dos edifícios, aprovou os novos Sistema de Certificação Energética dos Edifícios (SCE), Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Habitação (REH) e Regulamento de Desempenho Energético dos Edifícios de Comércio e Serviços (RECS).A nova legislação sobre eficiência energética obriga a que em qualquer anúncio comercial (venda, aluguer ou locação) a classe energética do imóvel esteja mencionada nesses anúncios, estando previstas coimas consideráveis quando tal não se verificar.É igualmente necessário um Pré-Certificado Energético no processo de licenciamento de edifícios novos ou grandes intervenções.Na elaboração do certificado energético serão detetadas e propostas medidas de melhoria de forma a dotar o imóvel de uma eficiência energética mais elevada. 

AUDITORIA ENERGÉTICANo seguimento das diretivas comunitárias da eficiência energética, os nossos engenheiros eletrotécnicos focam-se na área de auditorias energéticas de edifícios e indústria, com o objetivo principal de identificar os sistemas suscetíveis de racionalização de consumos energéticos.Nas auditorias, após uma análise das instalações elétricas e dos principais consumidores de energia elétrica, são efetuadas medições das principais grandezas elétricas e luminotécnicas, através da utilização de equipamentos adequados, com registo temporal de resultados. É sempre elaborado um Relatório da Auditoria, onde serão explicitadas e devidamente fundamentadas, todas as características dos sistemas, bem como identificadas as recomendações de medidas de melhoria e otimização de consumos e respetiva estimativa de custos. 

Dicas para tornar o seu imóvel mais eficiente
  • Reforço da sua proteção térmica – aumento do isolamento térmico dos elementos da envolvente
  • Controlo das infiltrações de ar – reparação e na eventual reabilitação da caixilharia exterior
  • Aproveite as energias renováveis (Painéis Solares, Sistemas a biomassa)
  • Instalações de sistemas mais eficientes e com classe energética elevada
  • Substituir lâmpadas por LED, há lâmpadas que poupam mais de 80% de energia;
  • Nunca deixar luzes ligadas quando uma divisão não estiver ocupada;
  • Todos os equipamentos que tenham um modo stand by desligue a tomada;